terça-feira, novembro 12, 2013

ORPHAN (2009)

A ORFÃ
Um filme de JAUME COLLET-SERRA




Com Vera Farmiga, Peter Sarsgaard, Isabelle Fuhrman, etc.

EUA-CANADÁ-ALEMANHA-FRANÇA / 
123 min / COR / 16X9 (1.85:1)

Estreia nos EUA a 21/7/2009
Estreia em Portugal a 5/9/2009


Apesar da presença de muitos clichés do género, este thriller assinado por um espanhol de 36 anos, oriundo de Barcelona, consegue ainda assim ultrapassar a mediania e fazer com que passemos duas horas de puro entretenimento. O suspense é genuíno, bem arquitectado e onde não falta até o tal "segredo" de que nos fala a publicidade - «There's something wrong with Esther». Há de facto algo errado com a criança de 9 anos que um casal vai resgatar a um orfanato, e que só muito perto do fim do filme nos é revelado. Um argumento deveras original que por isso mesmo foi escrito às avessas. Ou seja, pegou-se naquela boa ideia e depois foi-se inventando o percurso para se chegar ao final desejado. Uma fotografia apelativa, com algumas sequências que nos ficam na memória (a introdução inicial no hospital ficará certamente como uma referência futura), e uma excelente direcção de actores compõem o ramalhete. Destaque para o desempenho da protagonista principal, a jovem Isabelle Fuhrman, de 13 anos, e da belissima actriz que é Vera Farmiga, a mãe do rapaz com o pijama às riscas ("The boy in the striped pajamas"), filme de 2008.


2 comentários:

Anónimo disse...

Rato:
esse suspense eu gostei muito!
é bem acima da média dos filmes de suspense realizados atualmente.
a pequena atriz-Isabele Furhman tá muito bem no papel da orfâ e Vera Farmiga é uma atriz muito bonita!
Vale à pena ver e rever esse filme!
abs!
Miguel

Flower in my mind disse...

É, psicólogos erram, e colocaram a pobre Kate em apuros. Se Kate, John, Abigail e ninguém mais viu de primeira que havia mesmo algo de errado com Esther, só o garoto Danny, o que o fez passar por implicante, pelo menos Kate foi a primeira a acordar do sonho, e perceber que Esther tinha mesmo algo de errado... Ao longo do tempo, muitos elogios a Isabelle Fuhrman, mas ela está um tom acima, exagerada. Até eu vi que ela tinha algo de errado. Vera Farmiga é uma grande atriz, ótima!