domingo, janeiro 02, 2011

A ÚLTIMA VIAGEM DE 2010

Alguns dos passageiros que embarcaram em 2010 
no comboio da saudade:

11 de Janeiro
ERIC ROHMER (realizador, 89 anos)

22 de Janeiro
JEAN SIMMONS (actriz, 80 anos)

24 de Janeiro
PERNELL ROBERTS (actor, 81 anos)

17 de Fevereiro
KATHRYN GRAYSON (actriz, 88 anos)

14 de Março
PETER GRAVES (actor, 83 anos)

1 de Abril
JOHN FORSYTHE (actor, 92 anos)

25 de Abril
DOROTHY PROVINE (actriz, 75 anos)

2 de Maio
LYNN REDGRAVE (actriz, 67 anos)

9 de Maio
LENA HORNE (actriz e cançonetista, 92 anos)

29 de Maio
DENNIS HOPPER (actor e realizador, 74 anos)

3 de Junho
RUE McCLANAHAN (actriz, 76 anos)

16 de Junho
RONALD NEAME (realizador, 99 anos)

8 de Agosto
PATRICIA NEAL (actriz, 84 anos)

11 de Setembro
KEVIN McCARTHY (actor, 96 anos)

12 de Setembro
CLAUDE CHABROL (realizador, 80 anos)

22 de Setembro
EDDIE FISHER (actor e cançonetista, 82 anos)

26 de Setembro
GLORIA STUART (actriz, 100 anos)

28 de Setembro
ARTHUR PENN (realizador, 88 anos)

29 de Setembro
TONY CURTIS (actor, 85 anos)

5 de Novembro
JILL CLAYBURGH (actriz, 66 anos)

10 de Novembro
DINO DE LAURENTIS (produtor, 91 anos)

23 de Novembro
INGRID PITT (actriz, 73 anos)

28 de Novembro
LESLIE NIELSEN (actor, 84 anos)

29 de Novembro
MARIO MONICELLI (realizador, 95 anos)

5 de Dezembro
VIRGÍLIO TEIXEIRA (actor, 93 anos)

15 de Dezembro
BLAKE EDWARDS (realizador, 88 anos)

5 comentários:

Billy Rider disse...

Uma bonita homenagem - cada um destes nomes, à sua maneira, deixará sempre uma cadeira vazia no plateau do cinema.
Um bom Ano, Rato!

Dezito (André Sousa) disse...

Acrescentava tambem Irwin Kershner o realizador.

Bom ano

Francesca Paolucci disse...

They will be missed...

Álvaro Martins disse...

Antes eles do que eu eheh

Agora a sério, é sempre triste estes desaparecimentos (especialemente o Rohmer, Hopper, Chabrol, Penn, Curtis, De Laurentis e Monicelli que desta lista são aqueles que, me parece, mais contribuiram para a qualidade existente no cinema).

Rato disse...

Pessoalmente tenho especialmente pena da Jean Simmons, uma actriz que sempre me encantou ao longo dos anos, o Pernell Roberts, que fez parte da família Cartwright, da série Bonanza da minha meninice, a Lena Horne de cuja voz sempre fui apreciador, do Denns Hopper, que me deu o "Easy Rider" da mnha adolescência, a Patricia Neal que foi inesquecível a seduzir o Paul Newman em "Hud", o Claude Chabrol cuja filmografia, subversiva e tantas vezes perversa, teima em não aparecer por cá, o Arthur Penn que me deu o "Bonnie & Clyde", a Jill Clayburgh, uma brilhante actriz dos anos 70, o Leslie Nielsen ou o Blake Edwards que me fizeram rir a bandeiras despregadas. Mas todos os restantes também deram o seu contributo à arte de que todos nós somos fans. Bem hajam por terem partilhado este nosso mundo, mesmo que tivesse sido à distância de um olhar.